Menü

Fachadas

Revestimentos de prédios galvanizados são há anos uma tendência arquitetônica e apresentam inúmeras vantagens:

  • Eles oferecem proteção permanente contra a corrosão
  • não precisam de manutenção
  • e são resistentes às intempéries.

Dependendo das condições de luz prevalecentes é alterada a aparência de um edifício.

A estrutura típica de uma fachada galvanizada a quente consiste de uma camada de isolamento, a subestrutura, uma ventilação posterior e o real revestimento externo visível da fachada.

Os requisitos e os princípios de testes para este tipo de revestimentos das paredes externas são definidos na DIN 18516-1. Desde junho de 2010, os produtos de construção galvanizados a quente que são usados em uma fachada ventilada do edifício, são regulados nesta norma. Isto aplica-se à estrutura de suporte, o revestimento de fachadas e também para elementos de ligação e fixação. A galvanização a quente deve ser executada conforme a DIN EN ISO 1461 em conjunto com diretriz DAST 022.